Os Homens do Futuro

Somos Campeões da Europa, temos o melhor jogador do Mundo como Capitão e se tudo correr bem temos tudo para chegar ao Mundial sem o mínimo percalço. Apesar de estar muitíssimo feliz com o feito alcançado pela Selecção no dia 10 de Julho do ano passado, creio que também é importante pensarmos nos homens do futuro. 

E afinal de contas quem são os homens do futuro? São aqueles que dentro de 10/15 anos estarão a jogar no lugar do Cristiano, do Quaresma, do Moutinho, do Pepe, do Fonte ou do Bruno Alves. Esses para mim são os homens do futuro. Um Bernardo Silva, um João Mário e um André Silva, um Gonçalo Guedes, um Guerreiro e tantos tantos outros. 

Acho que é importante sabermos que apesar dos nossos astros actuais não durarem mais 20 anos, com muita pena nossa, o futuro está assegurado. Estes "putos" têm qualidade, pelo menos os que até agora apareceram na equipa principal. 

Há aqui muita coisa para limar, há muita ansiedade, há muita pressa e muitas vezes ela acaba por ser inimiga da perfeição, mas julgo que com o tempo eles chegam lá! Principalmente se o mentor continuar a ser o mister Fernando Santos. Podemos gostar, ou não, daquilo que ele  mostra com a equipa que coloca em campo, mas a verdade é que resulta. 

O futebol não precisa de ser bonito para resultar e a maior prova disso mesmo foi a vitória no Euro. Quando quase mais ninguém acreditava, ele continuou a dizer que só voltava a Lisboa depois da Final e com a Taça de Campeão na mão. Ele acreditou naqueles homens mais do que acreditaram os milhões de portugueses que encheram as ruas de Lisboa nesse dia e a verdade é que o resultado está à vista.

O segredo é mesmo acreditar e ninguém precisa de livros ou de documentários para saber isso e este homem sabe. Daí eu estar segura com as novas escolhas que ele foi fazendo nos convocados para o apuramento e para os amigáveis. Ele está atento a tudo, ele sabe que o André Silva é uma óptima companhia para o Cristiano e que o Renato pode muito bem juntar-se ao João Mário, ao William e ao Adrien para fazerem do meio-campo a maior fortaleza desta equipa.

Ele sabe que quando o Bruno Alves, o Fonte e o Pepe se reformarem temos um Paulo Oliveira e dois Semedos que podem dificultar a vida aos adversários. Ele sabe que quando o Rui, o Beto e o Eduardo se reformarem terá sempre um Anthony Lopes ou um Marafona para defender as redes e negar os golos que estavam dados como certos.

Estes são os nossos homens do futuro, Fernando Santos sabe disso e eu também e em boa verdade não poderia estar mais descansada com isso!


Vemos-nos na sexta :)