O Sonho de Cor Verde!


Temos visto um Sporting que depressa passa de 8 a 80, com poucos remates ou muitos, com mais intensidade ou menos, mas temos visto um trespassar de valente a humilhado, tão depressa, como a vida nos passa à frente dos olhos. Sabemos que isso é verdade em tudo, mas no futebol, ainda é mais evidente.
Temos um treinador que se gaba nas vitórias e se defende atrás dos jogadores nos fracassos, pelo menos assim o apelidamos, na última entrevista, mostrou que se calhar mudou, ou mostrou uma capa de mudança, só o tempo o dirá. Temos jogadores que vem da escolinha, que tem tudo para mostrar o que é ser Sporting, mas não conseguem incutir isso nos demais. Ainda falhamos nessa área, fazer com que quem sai, queira voltar ao Sporting.
Um Presidente que de sonhos não está mal, na realidade tem falhas, mas não teremos todos? E dentro daquilo que podemos fazer neste país minúsculo, se calhar, ele até faz demais. 
Depois de resultados menos conseguidos, das taças terem fugido por entre os dedos, e até os anéis terem roubado, ficamos com a ideia que se não ficarmos com o caneco do título, este treinador não fez mais do que já éramos. Gostamos ou não do Jorge Jesus, temos ideias boas ou más para aquilo que ele faz de gestão desportiva, mas percebemos que é o nosso treinador e que para quem era maravilhoso, aqui não deixam ou não consegue melhor. 
Posso dizer que me cansa as arbitragens em Portugal, sempre contra os mesmos, mas não é isso que nos faz neste momento ser o que estamos a ser, não jogamos com garra, não mostramos o valor do ano passado, e isso só mesmo o Jorge Jesus pode explicar, um dia o mesmo disse que se uma avançado falhar um golo, ele não pode ensinar ninguém a chutar, mas sofrer golos, já é uma competência dele, pois a defesa treina se, a minha pergunta é, então e onde anda o treino da defesa este ano?
Com tanta coisa que se passa no futebol, o Sporting este ano estar em crise é uma evolução, porque nos outros anos era uma coisa normal o que acontecia, nisso o valor da defesa do sonho do Sporting feito pelo Bruno de Carvalho, está a dar frutos. Somos, ou melhor, voltamos a ser incomodativos aos olhos dos outros, por tudo que o Bruno defende o seu clube. Também parece ter aprendido que o Jesus não pode tomar conta das contratações, a ver vamos se o futuro nos mostra isso, ou voltamos a deixar a famosa escolinha Sporting e contratar toscos. 
Uma coisa é certa, o sonho esse nasceu verde e vai morrer verde, somos verdes de cor, de sentidos e de esperança, a certeza que o sonho não morre nas nossas almas e a famosa frase que se dizia em Dezembro, para o ano há mais, deixa de fazer parte de um dicionário bem extenso no nosso vocabulário. E sabemos que somos da elite, pela elite com ideias de povo que sonha enquanto a obra não morre de vez.
Assim deixem nos sonhar e se tivermos que perder, que seja justamente pelos outros 11 que nos defrontaram e não por razões que o futebol conhece e a ordem desconhece.
O sonho, esse não vai morrer, esteja onde estiver o Sporting Clube de Portugal.