O Lema faz de nós únicos!


Numa altura em que o que importa é o que se passa dentro de campo com a outra equipa que não as duas que jogam à bola, gostaria hoje de lembrar que qualquer clube entra em campo, ou deveria entrar, para e somente pensar em ganhar e jogar à bola e que é uma razão mais que óbvia, porque é um desporto mundialmente apaixonante.
Lembrar do intuito com o clube foi criado, a sua diversidade de formação e gostos diferentes pelas diversas modalidades, que fazem dele um clube único desde o inicio da sua criação. Somos o que somos, porque nos esforçamos, e com isso criamos o que temos no nosso museu, títulos de diversas modalidades, que fazem com que sejamos um dos maiores em termos de números de títulos a nível europeu. Lembrando que não é só de futebol que vivemos. A dedicação com que se ama este clube nas derrotas e nas vitórias, fazem dele um sonho de qualquer clube, pois não ganhar no futebol, que é o mais importante para todos, ou quase todos no mundo, e os únicos títulos que pelos vistos interessam. Das massas mais jovens no apoio ao seu clube, mesmo sem títulos, não é fácil, acreditem. Devoção, é um tema que podemos ir buscar a sítios bem impossíveis para o desporto, mas que fazem com que a devoção a algo faça sonhar, mesmo sabendo que não é real, E por fim a Gloria, uma coisa que só acontece a quem muito tenta, e a quem tanto deseja que aconteça, é a gloria que finda tudo o que se falou antes, não existe gloria por acaso, apenas por persistência dos seus.

Quando falo que sou Sportinguista dizem sempre que podia ter escolhido melhor, a minha resposta é sempre a mesma, melhor que o Sporting só dois Sporting's... Do sonho vivemos para criar a realidade e no Sporting aprendi a sonhar e fez me ver, como que na vida, que tenho que fazer o dobro do trabalho, esforço, que qualquer outra pessoa, mas muito mais recompensatório no final quando os resultados chegam e são bons.
Agora falando de um tema que temos vindo a verificar neste futebol, que a equipa não está a praticar o futebol do passado, não sei se por erros alheios ou internos, mas que algo se está a passar, isso sim, podemos verificar em qualquer campo onde o Sporting entre em campo, falta muito daquilo que o lema nos faz identificar com este clube. Dos sonhos vive o Homem, mas na realidade é que nos concretizamos e realizamos, está na hora de sermos o que já fomos no tempo, ainda de saudade, dos 5 Violinos. Fortes dentro e fora, mas com tudo o que o lema nos identifica.

Somos o que somos, porque somos de Portugal, somos de Lisboa também, porque é lá que temos sede e jogamos de 15 em 15 dias, mas de Portugal, porque quando nos criaram, foi um clube de Portugal e não de região. Identificar sonhos, mas viver realidades, um projecto que podia ser ambicioso para o próximo presidente do nosso clube.
Agora voltando ao tema que tanto tem feito correr tinta, as eleições que dizem que o BC está a dominar e a processar tudo que os seus adversários querem fazer, para poder ganhar, isso pode ser verdade ou não, mas a certeza que o adversário do BC foi almoçar a um restaurante que é de um adversário e fez lá uma reunião, não lhe fica bem, somos Sporting, somos nós, não precisamos que nos identifiquem com quem quer que seja, temos identidade, temos orgulho, temos raça. Por isso dizemos tantas vezes que somos nós e o Atlético, os únicos clubes de Portugal... E não se esqueçam que qualquer coisa que aconteça, não deixaremos de ser Sporting, pois somos nós que fazemos o nosso clube ser o que é!